BITS 2014

Semana passada visitei a BITS (Business IT South America) 2014, ocorrida de 13 a 15 de maio no Centro de Eventos da FIERGS, em Porto Alegre. O evento é uma feira de negócios, B2B, nos moldes da CeBIT, onde há conferências, estandes de empresas de TIC, espaço para encontros de negócios, divulgação de inovações e outros.

 

No dia que fui, 15 de maio, achei o número de visitantes meio fraco, como ocorreu uma semana antes no FISL 15. Entretanto, o espaço para Business Matchmaking e o Espaço Inovação estavam bombando. Não participei de nenhuma palestra, apenas visitei a feira.

View the embedded image gallery online at:
http://b4it.com.br/blog-4it/310-bits-2014#sigFreeIdc27ef9ffd8

Havia estandes de empresas de tecnologia da Argentina, Portugal, Índia, Alemanha e outros, além das brasileiras. Tive a oportunidade de conversar com alguns empresários, analistas de negócio e contatos comerciais de diversas empresas, onde pude conhecer softwares e fazer alguns contatos para possíveis parcerias futuras.

Também ocorreu dois eventos relacionados a jogos eletrônicos, o Dash Games e o BIG Business Forum, e havia uma área reservada para o lançamento de jogos com demonstrações, mas o foco dessa feira não é jogar ou apenas conhecer os lançamentos, e sim falar do mercado de games, que está muito aquecido e em ascensão. Para se ter uma ideia, jogos estão sendo utilizados na educação, não só em escolas, mas também em empresas, para treinamentos, simulações e diversas formas de capacitação.

Quanto aos softwares, vi de tudo: ERPs, aplicativos comerciais, criadores de aplicativos para smartphones, help-desk, gestão esportiva, BI, big data, analytics, identificadores biométricos e muito mais.

Um dos estandes que mais gostei foi o da Alemanha, que além de divulgar empresas do segmento também fornecia informações para quem quer visitar Berlin e participar de eventos de tecnologia ao longo de 2014. Eram fornecidos mapas com a localização de startups, investidores e ventos, e informações para quem quer trabalhar na area neste país. Para quem se interessar, a dica é o site talent-in-berlin.com.

E a robótica não podia faltar. No estande do Senai era possível controlar cobras feitas de kits de Lego por controle remoto, e no espaço do Tecnosinos tinha um robô que.. (não sei o que fazia, mas falava com quem passasse perto).